Animais perdidos ou abandonados

Nós, como quase todas as outras associações e abrigos no Algarve,  chegamos ao ponto em que não conseguimos receber mais animais. Temos ultrapassado  os nossos limites de capacidade física para os receber.

Com tantas pessoas a abandonar os seus animais e insistir em deixá-los reproduzirem sem controlo é o auge do problema.

Se encontrar um animal e acredita que esteja perdido deverá levá-lo de imediato a um veterinário para verificar se tem chip, é grátis. É muito importante verificar também se existem apelos novos e quem sabe até exista um com uma foto desse animal. É também essencial que procure no site www.Encontra-me.org , aqui poderá ver os mais recentes casos e também pode inserir fotografias e dados relativos ao animal que encontrou, é grátis também. Deve verificar junto dos veterinários locais se por acaso reconhecem o animal e informe também a GNR local e deixe informações e foto do animal. Também deverá enviar a fotografia para todas as associações de animais locais para que possam divulgar ao máximo e quem sabe assim chegará ao seu dono. Passe também pelo canil municipal da área e deixe o seu contacto e as informações.

Se por acaso viu um cão e acredita que tenha sido abandonado, em primeiro lugar deve considerar levá-lo para sua casa caso consiga mantê-lo até conseguir arranjar uma solução. Se não tiver possibilidades de o acolher temporariamente, por favor, alimente-o e deixe água no local. Se for inverno, arranje uma caixa velha ou par de paletes para que possa fazer um abrigo provisório para o animal.

Existem muitos cães abandonados que vivem nas ruas e que se adaptaram bem, apesar de não ser a solução ideal, poderá ser uma solução temporária, mas talvez seja melhor deixá-lo onde está enquanto procura outra solução, do que o despejar num canil lotado, onde correrá o risco de ser atacado, ferido ou até mesmo morto, ou mantido em pequenas boxes sujas. Se acha que o local onde o animal se encontra não é seguro e se o animal está a ser atacado por outros, ou que ele esteja doente, por favor, tire o máximo de fotos que conseguir e envie para as associações, para que seja possível verificar se há maneira de ajudar.

Se verificar se o animal é fêmea, por favor, tente esteriliza-la, se não conseguir arcar com o custo total, peça ao veterinário por contatos de instituições que possam ajudar. Uma fêmea na rua ficará grávida o cio seguinte o que originará ninhadas indesejadas que irão nascer em sofrimento, ao relento e sem alimento suficiente. Com a esterilização prevenirá mais miséria e sofrimento.

Se o animal tiver uma lesão ou está doente pergunte na clínica veterinária por contactos de associações que ajudam com assistência médica de animais de rua.
Se acha que o animal está gravemente ferido e num enorme sofrimento, pense e considere que por vezes, a decisão mais sensata.

Se você encontrar cães ou gatos recém-nascidos num balde do lixo, deve estar consciente e preparado para alimentá-los a cada 3 horas , durante 3 semanas, e depois procurar encontrar lares cinco estrelas para cada um deles. Se não tiver possibilidade para tratar de bebés e de assegurar os cuidados necessários, deverá pensar e considerar que não deve ser opção que estes seres passem uma vida infeliz dentro de um canil ou de um abrigo durante toda a vida, como muitos já estão.

Os gatos que vivem de forma assilvestrada nas ruas, se forem alimentados e se tiverem abrigos, conseguem sobreviver bem em colónias, mas estas colónias têm de ser controladas, ou seja, se vir uma fêmea tente esterilizá-la, assim já está a ajudar a diminuir o número de animais sem lar, pois prevenirá o nascimento de mais e mais animais. a

Se souber de qualquer animal que está ser abusado ou cruelmente tratado pelo seu “dono” tem de agir!  Ligue para a SEPNA em 808200520 , e faça a denuncia, que pode ser anónima, e assim poderá ajudar este animal! Se por acaso viu um animal numa situação triste, talvez um cão acorrentado e em más condições, tirá-lo de lá e coloca-lo num canil lotado não é solução, por isso entre em contato conosco ou outra associação para aconselhamento sobre a situação e para que tome a decisão mais acertada e assim possa ajudar verdadeiramente o animal.

Se está a cuidar de um animal de rua e gostaria de ajuda com a alimentação, medicamentos ou esterilização por favor contacte -nos, nós faremos nosso melhor para o ajudar.
Associações de animais como nós estão a fazer o melhor para lidar com toda esta problemática que é o abandono, mas nós não podemos fazer tudo sozinhos, precisamos da sua ajuda e de toda a comunidade. Se todos fizermos um pouco, no fim fará uma grande diferença!